Novo leitor de códigos de barras fixo BCL 200i

para a identificação guiada de recipientes e bandejas


Desempenho perfeito com o melhor preço.
Especial para situações de montagem em espaços confinados na esteira de transporte.


Atualmente, os nossos leitores de códigos de barras comprovados da série BCL já atendem a uma grande variedade de aplicações e exigências na área da intralogística.
Agora, fomos ainda mais além e complementamos o nosso portfólio com um novo dispositivo: o leitor de códigos de barras fixo BCL 200i.


O BCL 200i é um leitor de códigos de barras 1D pequeno, com interfaces industriais integradas e configuração simples no Profinet para a identificação guiada de recipientes e bandejas.
Seu formato é perfeitamente adequado para aplicações em situações de espaço reduzido entre a esteira de transporte e ainda oferece uma relação preço/desempenho ideal.

> Ir para o seletor de produtos Leitor de códigos de barras BCL 200i

 

Para a intralogística

Leitor de códigos de barras 1D fixo BCL200i

para a identificação de recipientes e bandejas

  • Interfaces industriais integradas:
    Ethernet TCP/IP, PROFINET
  • Configuração fácil no PROFINET
  • Diagnóstico em todo o mundo com a ferramenta de configuração baseada em web
  • Excelente relação preço/desempenho

Otimizado para a identificação guiada de recipientes e bandejas

Com o desempenho adaptado para esta aplicação, o BCL 200i oferece uma relação ideal de preço/desempenho.

Modelo compacto para situações de espaço reduzido entre a esteira de transporte

Graças ao modelo compacto, assim como à saída de cabo lateral e ao rabo de andorinha, o leitor de códigos de barras BCL 200i também pode ser montado em situações de espaço reduzido entre a esteira de transporte. Dessa maneira já é possível economizar espaço durante a configuração da esteira de transporte.

Ativação do leitor de códigos de barras sem sensores adicionais

Com o autoReflAct (automatic Reflector Activation), a ativação do leitor de códigos de barras é realizada sem sensores adicionais. Para isso, o leitor aponta com raio de detecção reduzido para um refletor atrás da esteira transportadora. Enquanto o leitor estiver apontando para o refletor, a porta de leitura permanece fechada. Porém, assim que o refletor é coberto por um objeto, como, por ex., um recipiente com etiqueta de código de barras, o leitor ativa a leitura da etiqueta que se encontra no recipiente. Quando a visão do leitor sobre o refletor volta a ficar livre, a leitura é concluída e o raio de detecção é novamente reduzido para o refletor.

Leitura de códigos de barras, mesmo sob um grande ângulo de rotação

A tecnologia de reconstrução de códigos (CRT) comprovada permite que os leitores de códigos de barras da série BCL 200i realizem a leitura de códigos de barras com traços pequenos, assim como de códigos de barras com imagem impressa danificada ou suja. Com a ajuda do decodificador CRT, também é possível realizar facilmente a leitura de códigos de barras sob um grande ângulo "Tilt" (ângulo de rotação).

Aplicações

 

Detecção de códigos 1D dispostos de modo ortogonal (orientação tipo cerca de jardim) ou de modo paralelo (orientação tipo escada) na identificação guiada de recipientes

Exigência:

A configuração de uma esteira de transporte com duas linhas de transporte paralelas deve ser executada da maneira mais compacta possível. Nas esteiras devem ser transportados diferentes recipientes com códigos 1D dispostos de modo ortogonal (orientação tipo cerca de jardim) ou de modo paralelo (orientação tipo escada), que devem ser detectados com segurança. O sensor deve dispor exatamente da gama de funções necessárias para solucionar esta aplicação. Para cumprir o orçamento, o cliente não deseja funções expandidas.

Solução:

Graças ao modelo compacto, assim como à saída de cabo lateral e ao rabo de andorinha, o leitor de códigos de barras BCL 200i também pode ser montado em situações de espaço reduzido entre as esteiras de transporte. Ele detecta os códigos 1D de maneira confiável, independentemente de estarem impressos em disposição ortogonal (tipo cerca de jardim) ou paralela (tipo escada) na etiqueta. Devido ao desempenho adaptado para esta aplicação, o BCL 200i oferece a relação preço/desempenho ideal.

Detecção de códigos 1D dispostos de modo ortogonal (orientação tipo cerca de jardim) na identificação guiada de prateleiras

Exigência:

Em uma esteira de transporte são transportadas diversas bandejas, identificadas com códigos 1D dispostos de modo ortogonal (orientação tipo cerca de jardim). Os códigos 1D devem ser detectados com segurança com um leitor de códigos de barras. O dispositivo deve dispor de interfaces integradas e deve ser possível realizar o diagnóstico do sensor em todo o mundo.

Solução:

O leitor de códigos de barras BCL 200i detecta os códigos 1D dispostos de modo ortogonal (orientação tipo cerca de jardim) de maneira confiável. Ele dispõe das interfaces integradas Ethernet TCP/IP e PROFINET. Um diagnóstico em todo o mundo é possível com a ferramenta de configuração baseada em web.

 

Ir para o seletor de produtos Leitor de códigos de barras BCL 200i

Excurso: Detecção de códigos de barras danificados através da tecnologia de reconstrução de códigos

O BCL 200i dispõe de uma chamada tecnologia de reconstrução de códigos. Isso significa que também é possível realizar sem problemas a leitura de códigos de barras danificados, sujos ou com traços pequenos. Isso gera uma disponibilidade da instalação significativamente mais alta, com menos "no-reads”.

Suas vantagens com o leitor de códigos de barras BCL 200i

Na compra:

  • Disponibilidade mundial
  • Processamento rápido de encomendas
  • Entrega rápida
  • Relação preço/desempenho ideal, já que o BCL 200i oferece a gama de funções perfeita para esta aplicação

Durante o comissionamento:

  • Alinhamento simples e rápido através de autoAdjust
  • Parametrização simples
  • Prevenção de erros de conexão através de conexão M12

Durante a conservação:

  • Disponibilidade mundial de dispositivos
  • Troca de dispositivos segura com PROFINET: configuração e memória de parâmetros através do controle ou detecção da vizinhança 
  • Troca de dispositivos simples e rápida através de conexão M12

Dados técnicos e fatos sobre o BCL 200i

Códigos de barras

Todos os códigos de barras 1D comuns (Code 128, 2/5 Interleaved, EAN 128, Code 39)

Fonte de luz

Laser de luz vermelha (classe de laser 1 conforme a IEC/EN 60825-1:2014)

Campo de leitura

Ótica de média densidade (M) de 40 mm – 255 mm (m=0,5 mm)

Tamanho do módulo

m=0,2mm … 0,5mm

Taxa de varredura

1000 scans/s

Saída do feixe

Lateral com espelho defletor

Scanner

Scanner de linha e leitor raster

Interfaces integradas

Ethernet TCP/IP; Profinet RT

I/Os digitais

1x entrada de chaveamento fixa, 1x saída de chaveamento fixa

Porta Ethernet

1x porta individual para topologia em estrela

Configuração

Ethernet: via webConfig (idêntico ao BCL 308i)

PROFINET: arquivo GSDML (idêntico ao BCL 348i)

Ethernet/IP: via webConfig (idêntico ao BCL 358i)

Conexão

1x cabo fixo (0,9 m) com conector M12 (PWR/IO), codificação A, 5 polos

1x cabo fixo (0,7 m) com conector fêmea M12 (Ethernet/PROFINET), codificação D, 4 polos

Tensão de operação

+18 … +30 V CC

Carcaça

Alumínio fundido sob pressão, IP 65

Cobertura da parte ótica

Vidro

Temperatura ambiente, operação

0 … +40°C

Dimensões

Modelo compacto (LxAxP): 92 x 38 x 84 mm

Certificações

CE, CDRH, UL

Nossos serviços para você

Avaliação de qualidade em conformidade com as normas

de etiquetas com código de barras 1D

Inúmeros acessórios

como, por ex., cabos e acessórios de montagem

Perguntas frequentes sobre o leitor de códigos de barras BCL 200i

O que fazer quando existe apenas um espaço mínimo para um leitor de códigos de barras entre duas esteiras de transporte?

Graças à fixação tipo rabo de andorinha e à saída de cabo lateral, o BCL 200i é otimizado para situações de espaço reduzido.

É possível acessar remotamente o BCL 200i?

Com a ferramenta de configuração "webConfig" baseada em web, o acesso remoto ao BCL 200i é possível a qualquer momento sem a necessidade de usar um programa externo adicional. Dessa maneira, o diagnóstico de erros pode ser realizado facilmente em todo o mundo.

Quanto tempo duram os períodos de imobilização da instalação no caso de troca de dispositivos?

Os períodos de imobilização são curtos, já que o conjunto de parâmetros fica imediatamente disponível durante a troca de dispositivos. Configuração comprovada através de arquivo GSDML no controle, idêntico ao BCL 348i.

É possível utilizar cabos padrão?

Sim, cabos padrão podem ser usados: dois conectores M12 (PWR/IO e HOST) com cabo de conexão fixo. Isso permite um comissionamento rápido e economia de custos devido à reutilização dos cabos.

O leitor de códigos de barras BCL 200i também pode ser ativado através do refletor?

Devido à função integrada "Automatic Reflector Activation (AutoReflAct)", o leitor de códigos de barras também pode ser ativado através do refletor. Isso permite economizar sensores adicionais.

Quanto tempo é necessário para colocar o dispositivo em operação?

Através do webConfig são necessários apenas alguns minutos para o comissionamento.

É necessário instalar um software externo para o comissionamento?

Os produtos com webConfig não requerem nenhum software separado.

Todos os leitores de códigos de barras são ligados em série através de Ethernet/PROFINET ou são formados grupos?

O BCL 200i dispõe de uma interface de 1 porta e vários leitores de códigos podem ser conectados a um switch.

A configuração é transmitida durante a troca de dispositivos?

No PROFINET, toda a configuração é salva no controle e transferida para o dispositivo durante a troca. O nome da estação PROFINET é transmitido através da função "Detecção da vizinhança". 

O que fazer quando diferentes leitores de códigos de barras precisam ser combinados dependendo dos pontos de leitura?

As séries BCL 200i/300i podem ser combinadas.