Soluções em sensores para transportadores contínuos

Os transportadores contínuos garantem um fluxo contínuo de mercadorias. Para a operação confiável das instalações, a presença de paletes e recipientes deve ser detectada, dimensões e níveis de enchimento devem ser verificados e códigos de barras lidos de maneira confiável. Isso garante um processo de produção sem problemas.

Nosso abrangente portfólio de sensores oferece uma detecção de objetos segura e rápida. Além disso, protege pessoas e instalações.  Princípios de leitura que podem ser utilizados individualmente, como código de barras, código 2D e RFID, garantem flexibilidade máxima. Mesmo no caso de caixas brilhantes, escuras ou envolvidas em filme stretch, nossos sensores oferecem uma detecção confiável, também sob condições ambientais difíceis, graças à elevada reserva de potência. Além disso, nossos sensores podem ser colocados em funcionamento rapidamente com a tecnologia de fixação inteligente, o ajuste simples e a integração fácil em sistemas existentes através de interfaces de fieldbus como, por exemplo, PROFINET.

[01] Detecção de paletes envolvidos em filme stretch

Exigência:
Os paletes envolvidos em película ou filme stretch devem ser detectados de maneira confiável ao longo de todo o comprimento. Durante o processo, o sinal de saída do sensor utilizado não deve apresentar oscilações.

Solução:
As barreiras de luz retrorreflexivas PRK 46C.D e PRK 25C.D são otimizadas para a utilização em transportadores de rolos. Elas oferecem uma segurança funcional elevada, especialmente no caso de paletes envolvidos em película e filme stretch. O sensor gera um sinal de saída estável enquanto o objeto se encontra na área de detecção.

[02] Detecção de paletes

Exigência:
Todos os tipos de paletes devem ser detectados de maneira confiável ao longo de todo o comprimento. Paletes com defeitos ou aberturas em paletes também devem ser permitidos.

Solução:
As barreiras de luz retrorreflexivas RK 46C também detectam de maneira confiável objetos com formatos irregulares e aberturas. Para isso, os dispositivos utilizam uma faixa de luz potente de 60 mm de largura.

[03] Detecção de paletes a partir de baixo

Exigência:
Diferentes tipos de paletes são transportados em um sistema de transporte e devem ser detectados com segurança a partir de baixo. Ao mesmo tempo, a iluminação de alta frequência do galpão e partículas de sujeira não devem prejudicar o sensor. Além disso, não deve ser necessário realizar nenhum trabalho adicional nos sensores durante a instalação da esteira de transporte.

Solução:
Os sensores fotoelétricos da série HT 25C já são montados pelo fabricante do sistema de transporte na área interna da esteira usando um suporte especial. Este suporte dispõe de um vidro frontal integrado para desviar partículas de sujeira. A parametrização especial da luz ambiente dos sensores exclui fontes de luz ambiente de maneira eficiente.

[04] Controle de largura e altura

Exigência:
Antes de poder introduzir um palete no sistema de transporte ou no sistema de armazenagem, é necessário verificar as dimensões do palete carregado.

Solução:
As cortinas de luz de chaveamento CSL 710 verificam as dimensões do palete carregado. Graças às diferentes resoluções e comprimentos do campo de medição, assim como 4 entradas/saídas configuráveis, os dispositivos podem ser perfeitamente adaptados à aplicação e alinhados facilmente através do display integrado.

[05] Proteção de acesso com muting

Exigência:
A proteção de acesso na esteira de transporte deve impedir a entrada de pessoas na zona de perigo e, ao mesmo tempo, permitir a passagem do bem transportado.

Solução:
A função de muting realiza o bypass do sensor de segurança de maneira controlada para a passagem do bem transportado. Esta função já está integrada nas barreiras de luz de segurança de múltiplos feixes MLD 300/500 e nas cortinas de luz de segurança MLC 500.

[06] Proteção de acesso com Smart Process Gating

Exigência:
A proteção de acesso na esteira de transporte deve impedir a entrada de pessoas na zona de perigo e, ao mesmo tempo, permitir a passagem do bem transportado. Além disso, os dispositivos de segurança devem ocupar o menor espaço possível.

Solução:
No Smart Process Gating, o bypass do sensor de segurança é realizado em combinação com um sinal de controle do CLP. A função está incluída na cortina de luz de segurança MLC 530 SPG. Sensores de muting adicionais são excluídos e as instalações podem ser planejadas ocupando muito pouco espaço graças à SPG.

[07] Leitura de códigos no palete

Exigência:
Durante a entrada ou saída de mercadorias, o código da mercadoria deve ser lido e transmitido ao sistema superior. Ao mesmo tempo, a posição da etiqueta pode variar.

Solução:
Para a leitura da etiqueta do código em posições variadas são utilizados vários leitores de códigos de barras da série BCL 500i/600i. Através do switch integrado, os dispositivos podem ser conectados uns aos outros ou diretamente ao controle através de uma estrutura linear. 

[08] Detecção de recipientes e bandejas

Exigência:
Deve ser realizada a detecção com segurança de um recipiente ou uma bandeja durante a passagem. Os sensores utilizados devem ser fáceis de montar e conectar.

Solução:
Com seu modelo cúbico compacto, os sensores óticos da série 5 são utilizados para tarefas padrão de detecção de alto rendimento e relação custo-benefício otimizada. As mangas roscadas metálicas M3 integradas e a saída de cabo flexível para baixo ou para trás facilitam a montagem mesmo em situações de montagem em espaços confinados.

[09] Detecção do estado de fechamento de abas de armazenamento

Exigência:
Para parar os recipientes, é necessário verificar o estado de fechamento da aba de armazenamento.

Solução:
Os sensores indutivos da série IS 244 detectam o estado de fechamento da aba de armazenamento. Para a conexão estão disponíveis versões com conector M12 ou área de aperto confortável.

[10] Leitura de códigos em recipientes e bandejas

Exigência:
Os códigos de barras afixados nos recipientes ou bandejas devem ser lidos e as informações transmitidas ao controle através de um fieldbus. Ao mesmo tempo, o leitor de códigos também deve ser montado entre esteiras de transporte.

Solução:
Os leitores de códigos de barras das séries BCL 200i e BCL 300i podem ser montados a uma pequena distância do código, graças à distância de leitura mínima de apenas 40 mm e 20 mm. Com o switch integrado é possível estabelecer estruturas lineares em todos os fieldbuses baseados em Ethernet. A parametrização é realizada através do controle. 

[11] Identificação de recipientes

Exigência:
Os recipientes devem ser identificados em ambiente com condições difíceis ou sujeira.

Solução:
Os dispositivos de escrita/leitura RFID, RFM 32 e RFM 62, realizam a leitura das informações dos transponders RFID afixados nos recipientes. A tecnologia RFID sem contato também funciona de maneira confiável em ambientes com sujeira. Com distâncias de leitura de até 400 mm, os leitores podem ser integrados de maneira muito flexível no sistema de transporte.

[12] Verificação «Recipiente vazio»

Exigência:
Para poder reutilizar um recipiente, é necessário verificar se objetos ainda encontram-se dentro dele.

Solução:
Os sensores de seções de luz LRS 36 utilizam uma linha de laser para a detecção de objetos. Dessa maneira é possível determinar a presença de objetos no recipiente de forma confiável.

[13] Leitura de códigos impressos diretamente na caixa

Exigência:
É preciso realizar a leitura de um código de barras impresso diretamente na caixa. Em seguida, a informação lida deve ser transmitida a um controle.

Solução:
Os leitores de códigos de barras da série BCL 300i com ótica especial para códigos impressos a jato de tinta realizam a leitura dos códigos nas caixas. Graças ao switch integrado, os dispositivos podem ser integrados facilmente em estruturas lineares de fieldbuses baseados em Ethernet. A parametrização é realizada através do controle.

[14] Leitura de códigos na parte superior de caixas alinhadas

Exigência:
O código de barras nas etiquetas de expedição deve ser lido na saída de mercadorias de empresas de vendas por correspondência e e-commerce. Na maioria das vezes, as caixas alinhadas apresentam dimensões visivelmente diferentes. As informações lidas devem ser transmitidas a um controle.

Solução:
Os leitores de códigos de barras da série BCL 600i realizam a leitura de códigos em caixas a partir de cima. Eles utilizam luz laser azul para mais profundidade de campo em espessuras pequenas de módulo, o que torna desnecessário o ajuste dispendioso de foco. Os dispositivos podem ser facilmente integrados no controle através das interfaces de fieldbus integradas.

[15] Leitura de códigos na parte superior de caixas não alinhadas

Exigência:
O código de barras nas etiquetas de expedição deve ser lido na saída de mercadorias de empresas de vendas por correspondência e e-commerce. Na maioria das vezes, as caixas não guiadas são visivelmente diferentes nas dimensões e na orientação. As informações lidas devem ser transmitidas a um controle.

Solução:
O portal de scanner modular MSPi utiliza pelo menos dois leitores de códigos de barras alinhados entre si para a leitura de códigos de barras não alinhados. Se necessário, também oferecemos configurações de portal personalizadas para a sua aplicação. Os portais podem ser facilmente integrados no comando através da interface de fieldbus integrada.

[16] Leitura de códigos manual

Exigência:
Durante a separação e preparação de pedidos, os códigos de mercadorias devem ser lidos e transmitidos ao sistema de gestão de mercadorias.

Solução:
Os leitores de códigos de barras móveis da série IT 1472Xg realizam a leitura de todos os códigos de barras comuns no gerenciamento de armazém e na logística. Versões com conexão de cabo ou transmissão via rádio estão disponíveis dependendo da área de aplicação.

[17] Verificação de contorno

Exigência:
A caixa transportada no sistema de transporte deve ser agarrada automaticamente para a paletização. Em outra aplicação, é necessário detectar se a caixa está intacta e fechada. O contorno da caixa deve ser verificado para ambas as aplicações.

Solução:
O sistema de medição de contornos 3D CMS 700i detecta na passagem largura, comprimento, altura, saliências, projeções e a posição de quaisquer objetos, independentemente do formato e da estrutura da superfície. Bolsas de polietileno também são detectadas com segurança no processo. Sob um único número de artigo, o sistema completo inclui todos os componentes para a operação e a instalação.

[18] Detecção de bolsas de polietileno

Exigência:
Bolsas de polietileno devem ser detectadas com segurança em todo o comprimento de uma esteira transportadora a uma velocidade de até 2,5 m/s.

Solução:
As barreiras de luz retrorreflexivas da série RK 46C detectam objetos a partir de um tamanho de 5 mm em uma esteira transportadora de maneira confiável. Para isso, os dispositivos utilizam uma faixa de luz potente de 25 mm de largura. Graças à alta frequência de chaveamento de 250 Hz, as RK 46C também detectam objetos a velocidades de transporte elevadas.